Cipa, Assédio e LGPD

Atualizado em 04/07/2024
Por Pedro Henriques

Cipa, Assédio e LGPD

Atualizado em 04/07/2024
Por Pedro Henriques

Cipa, Assédio e LGPD se relacionam de forma interessante e convergente. Esta nova atribuição da Comissão interna de Prevenção de Acidentes e Assédio conecta ainda maisPre com a Adequação LGPD.

Mitigar processos trabalhistas

Então o Titular dos Dados, o funcionário, o colaborador é dono e proprietário do Exame de Saúde. Isto é um fato. Adequar a comunicação entre a Medicina do Trabalho, médicos que atendendo a CIPA e assim as leis trabalhistas, precisam estar alinhados com esta questão e também a PRIVACIDADE de seus pacientes. Se isso não está relacionado na estratégia de Segurança da Informação, avalie agora que a CIPA ganhou uma letra. Em outras palavras a CIPA +A vai se tornando ainda mais conectada a LGPD e as questões trabalhistas.

Prevenção com Adequação LGPD – Transparência e Documentação

No sentido de trazer luz e estabelecer bem a conexão com a Adequação LGPD. Assim este POST terá abordagem de Gestão de Contrato como base inicial em estabelecer as regras de convivência. Neste caminho, ao Final o conteúdo da nossa biblioteca YOUTUBE com a edição 128 do Grupo de Discussão sobre LGPD.

Cipa Assédio e LGPD

A CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes e Assédio) é fundamental para promover a segurança e saúde dos colaboradores nas organizações. Assim, desta forma, temos a conexão com o TRATAMENTO DE DADOS SENSÍVEIS com a Gestão da Medicina do Trabalho.

A condição de Prevenção de Assédio. A CIPA ganhou o +A ( #CIPA+A) e poderia ganhar também a +I (Informação). Um protocolo entre PODER que acontece na hierarquia das empresas. De fato uma agenda que precisa de entendimento, denuncia, tratamento, treinamento, denúncia e até punição.

Nesta condição a LGPD, no processo de ADEQUAÇÃO, trabalha a documentação, transparência e Treinamento. Em outras palavras o conhecimento gera necessidade de intervir quando o problema acontece. Uma vulnerabilidade que acontece pela falta de controle. Então, até o CONTROLE, precisa ser implementado. Controle de fazer e de gestão da denuncia.

Cipa Assédio e LGPD

Senso comum – Contratos

Este é um conhecimento comum nas empresas. Desta forma estamos falando de questões que todos entendem e podem mitigar. Sobre tudo quando são problemas reais que comprometem a saúde das pessoas.

No sentido em promover a melhor gestão das pessoas é necessário estabelecer CONTRATOS. Sim uma agenda específica que toda empresa deveria ter. De certa forma considerando os processos, as regras dos negócios e até as responsabilidades compartilhadas. Então contrato com funcionários vão além da Carteira de Trabalho. De mesma forma contrato com terceiros vão além da Nota Fiscal de cobrança e proposta inicial.

Cipa Assédio e LGPD

Estabelecer contratos com funcionários significa estabelecer funções, compromissos, valores a serem seguidos e assim responsabilidades. Desta forma a via será de duas mãos, pois a empresa se compromete e o funcionário também.

Por outro lado o contrato com terceiros visa ainda estabelecer as responsabilidades compartilhadas. Neste caso estamos tratando de questões relacionadas a operação da empresa e o que isso sugere para ser feito. Alguns segmentos terceirizados acabam sendo um pouco mais críticos. Eles tratam de dados sensíveis e relevantes da empresa. Assim estamos falando de Medicina do Trabalho, Empresa de Benefícios e a Contabilidade.

INDICCA - Boas Práticas / Segurança da Informação

Comunidade LGPD – Edição 128

A discussão sempre traz como melhorar nossa argumentação de vendas. A Lei Geral de Proteção de Dados é um complexo de números e responsabilidades. Então, buscamos facilitar o entendimento. Hoje falamos sobre a Gestão de Contrato e assim o desenho de como operar a relação das pessoas. Neste caso estamos falando de relacionamento entre Patrão e Funcionário. Todavia também tratamos a questão entre CNPJ. De certo existe terceirização e as responsabilidades compartilhadas precisam estar bem claras.

A profissional Vania Maria aprofundou um pouco nesta tema da conexão com a CIPA. Ela acabou de se integrar, por eleição ao Comitê de Prevenção. Foi indicada pela condição de conhecer a LGPD e assim as condições de atender a PRIVACIDADE e DOCUMENTAÇÃO dos processos. Uma fato que nesta nova condição ASSÉDIO serão de suma importância.

Nesse sentido a Edição 127, que teve como provocador o Everton Matias, abordando a condição de VENDAS com uma abordagem de consultoria. Muito alinhada com a argumentação que tratamos na edição 128. Vale conferir.

Ainda falando da Edição 128

Provocação sobre o META (FACEBOOK) que sofre uma restrição imposta pela AGENCIA (ANPD). Um tema rico e que vamos trabalhar nas próximas edições. Uma luz que está muito notificada na média e vem sendo alvo de questionamento pelo mercado. Assim uma condição de falarmos para o nosso público sobre LGPD e como ela pode interferir na sua empresa. Esta provocação foi encaminhada pelo Luccas Mota.

Conteúdo extra no Blog da INDICCA.COM

Cipa e Semana de Segurança com TI (indicca.com.br)

Pedro Henriques, aqui no Blog.

O que você achou deste conteúdo?
Conte nos comentários sua opinião sobre: Cipa, Assédio e LGPD.


Conheça nossas soluções nas áreas de segurança, rede de computadores e comunicação.
Share This